Homem é acusado de usar internet para recrutar talebans

Um especialista britânico em computadores usou websites baseados nos Estados Unidos para recrutar e levantar fundos para o Taleban, além de obter documentos secretos sobre as fraquezas da Marinha americana, acusam promotores. As autoridades dizem que o cidadão britânico de origem paquistanesa Babar Ahmad também tem ligação com a conta de e-mail de um líder rebelde checheno e trocou mensagens com um marinheiro que expressou simpatia por terroristas.Comparecendo perante um juiz em Londres nesta sexta-feira, Ahmad, que foi preso na Inglaterra a pedido dos Estados Unidos, ouviu a pergunta protocolar sobre se entendia do que era acusado e respondeu: ?Não exatamente. É tudo meio confuso?.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.