Homem esfaqueia 28 crianças e 3 adultos no oeste da China

Caso já é o terceiro de ataque com facas em escolas registrado em menos de um mês no país

Agência Estado e Associated Press

29 de abril de 2010 | 05h56

PEQUIM - Um homem agrediu e causou ferimentos a 28 crianças e três adultos nesta quinta-feira, 29, em um jardim de infância na cidade de Taixing, no oeste da China, de acordo com a agência oficial Xinhua.

Cinco das crianças estão em estado grave após o ataque, realizado por um homem de 47 anos que portava uma faca, segundo fontes policiais.

O agressor foi detido pelas autoridades após as agressões, por volta das 9h30 desta quinta-feira pelo horário local (22h30 em Brasília). Dos três adultos feridos, dois são professores e o terceiro é um guarda do jardim de infância. As crianças feridas têm até 4 anos de idade, acrescentou a agência. Cinco delas estão em estado crítico.

 

Este foi o terceiro ataque do tipo em um mês no país. A agressão aconteceu um dia depois de outro incidente semelhante em uma escola de primária da província de Cantão (sul da China), onde 16 alunos e um professor ficaram feridos (cinco dos estudantes estão em estado grave).

Na quarta-feira, 28, foi executado na província de Fujian (sudeste) o cirurgião chinês Zheng Misheng, que no último dia 23 de março apunhalou 13 crianças na porta de uma escola, matando oito delas.

 

Na quarta-feira, um professor que estava de licença para tratar de problemas mentais feriu 16 crianças e um funcionário em uma escola primária na província de Guangdong.

 

A série de ataques causa grande preocupação na China, por se tratar, até agora, de um tipo de crime violento raro no país. Já há pedidos para se intensificar a segurança em instituições de ensino, mas o governo alega que tais medidas são caras, segundo informações da agência BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
ataqueChinacriançasesfaqueamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.