Homem mata oito em escola na China

Um homem armado com uma faca matou hoje oito pessoas e feriu outras quatro numa escola de segundo grau na China. Este foi o pior de uma série de ataques a escolas chinesas nos últimos meses, segundo o governo do país. Policiais estavam procurando pelo assassino que invadiu a Escola Número 2 na cidade de Ruzhou (750 quilômetros a sudoeste de Pequim), informou a agência oficial de notícias Xinhua. Não se sabia ainda se as vítimas eram estudantes ou professores, nem outros detalhes sobre o caso foram divulgados. Foi o quarto ataque a facadas registrado desde agosto numa escola ou creche chinesa. O primeiro deixou uma criança morta e 42 pessoas feridas. A razão para esses ataques não está esclarecida, mas o aumento da violência fez o governo do presidente Hu Jintao ordenar em setembro o reforço da segurança nas escolas. Na quarta-feira, um homem que feriu 25 crianças com uma faca de cozinha foi executado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.