Homens armados incendeiam escolas femininas no Paquistão

Um grupo de homens armados, irritados com o aumento das atividades de entidades assistenciais estrangeiras, atearam fogo a sete escolas femininas no norte do Paquistão. O fogo danificou os prédios e queimou os móveis, disse um funcionário do governo paquistanês nesta terça-feira.Saeed Ahmed Khan, secretário de Interior das Áreas do Norte do Paquistão, disse que o ataque não deixou feridos nas escolas, situadas no distrito de Dyamir, 150 quilômetros a leste de Gilgit, porque as instituições de ensino estavam fechadas no momento da ofensiva."Até onde sabemos, alguns clérigos locais incitaram as pessoas a atacarem porque eles pensam que essas escolas são financiadas por organizações assistenciais estrangeiras, supostamente nocivas ao Islã", comentou. Ele disse que o incidente está sendo investigado e não forneceu mais nenhum detalhe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.