Homens atacam casa do novo primeiro-ministro da Líbia

O novo primeiro-ministro da Líbia, Ahmed Maiteg, que foi recentemente aprovado em uma contestada votação no Parlamento, teve sua casa atacada, segundo uma fonte do governo. Quatro homens dispararam granadas contra a residência de Maiteg e trocaram tiros com os seguranças. Um dos criminosos foi morto e um foi preso, mas os outros dois fugiram.

AE, Agência Estado

27 Maio 2014 | 17h04

Maiteg foi nomeado primeiro-ministro em uma votação considerada ilegítima pelos parlamentares não islâmicos. Milhares de líbios realizaram manifestações nos últimos dias pedindo que a assembleia eleita interrompa as sessões e acusando os parlamentares de financiarem milícias islamistas.

Muitas das brigadas armadas que derrotaram as forças de Muamar Kadafi três anos atrás se transformaram em milícias que se recusam a se desarmar ou a se juntar às forças de segurança nacionais. Elas são acusadas de uma série de sequestros e assassinatos de diplomatas, autoridades do governo, ativistas, juízes e membros da polícia e do exército. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
LÍBIA PRIMEIRO-MINISTRO CASA ATAQUE

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.