Hospital informa que morte de Ariel Sharon é 'iminente'

A morte do ex-primeiro-ministro de Israel, Ariel Sharon, continuava "iminente" neste domingo, informou um representante do hospital de Tel-Aviv onde ele está internado.

Agência Estado

05 de janeiro de 2014 | 07h53

"O coração de Sharon está melhor do que pensávamos, mas ele ainda corre risco de uma morte iminente", declarou o diretor do hospital Tel Hashomer, doutor Zeev Rotstein, à rádio pública. "Estou mais pessimista do que estava antes", disse ele. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
IsraelAriel Sharonsaúdehospital

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.