Hostilidade chinesa irrita EUA

Washington apresentou protesto ontem ante o governo chinês, depois que supostamente barcos chineses "realizaram manobras agressivas e perigosamente próximas" de um navio de guerra no domingo. O incidente teria ocorrido em águas internacionais do Mar da China, a 75 km da Ilha de Hainan, segundo o Pentágono. Barcos chineses teriam cercado o US Impeccable - um deles chegou a ficar a 7 metros da embarcação, segundo os EUA -, e dado ordens para os americanos deixarem a área. Em resposta, o navio dos EUA teria lançado um jato de água em um dos barcos chineses e, então, se retirado. Pequim não comentou o episódio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.