Hu Jintao é reeleito na China e Xi Jinping é seu vice

Xi é responsável pela organização dos Jogos Olímpicos e terá de enfrentar os conflitos no Tibete e Taiwan

EFE

15 de março de 2008 | 10h06

O secretário-geral do Partido Comunista da China (PCCh), Hu Jintao, foi reeleito neste sábado, 15, presidente do país por um segundo e último mandato de cinco anos na Assembléia Nacional Popular (ANP, Legislativo), que também elegeu Xi Jinping como vice-presidente e eventual sucessor do líder máximo. A confirmação do governante chinês ocorre quando a região autônoma do Tibete vive os distúrbios mais graves dos últimos 20 anos e que deixaram pelo menos dez mortos. Hu era a máxima autoridade no Tibete quando, em 1989, explodiu uma rebelião que deixou dezenas de mortos e que levou o governo chinês a declarar lei marcial durante 13 meses no território. O novo presidente chinês recebeu hoje 99,77% (2.959 votos a favor, 4 contra e 4 abstenções) dos 2.965 delegados presentes no plenário da Assembléia, enquanto Xi obteve 2.919 votos a favor, 28 contra e 17 abstenções. Xi, de 54 anos, se torna, assim, o braço direito de Hu Jintao na direção do país durante a próxima meia década e o candidato mais bem situado para sucedê-lo quando este deixar o cargo, o que deve ocorrer entre 2012 e 2013. Em outubro, Xi passou a fazer parte do Comitê Permanente do Politburo - o principal órgão político do PCCh, com só nove membros. Com isso, em apenas seis meses Xi deixou de ser um relativamente desconhecido secretário-geral do PCCh na província de Xangai e passou a principal responsável pela segurança e pelos preparativos dos Jogos Olímpicos de Pequim e candidato claro a assumir a liderança do país mais povoado do mundo. A eleição o situa na frente de Li Keqiang, de 52 anos e secretário do PCCh em Liaoning (norte da China), seu adversário mais direto na corrida para ser o próximo presidente chinês. Xi é um dos políticos da chamada "quinta geração" de líderes chineses e também um "príncipe do Partido" ("Taizidang", filho de um veterano comunista). Além disso, o novo vice-presidente foi secretário do partido em Xangai, um posto considerado como a rampa de lançamento para a Presidência, substituindo Chen Liangyu, acusado de corrupção em 2006 e braço direito do ex-presidente Jiang Zemin. Formado em engenharia na Universidade de Tsinghua (como Hu), desenvolveu um trabalho econômico magnífico nas províncias de Zhejiang e Fujian. No entanto, até há pouco era praticamente desconhecido pela maioria do povo chinês, ao contrário do que acontecia com sua esposa, uma cantora de folclore muito popular. Atualmente, Xi se encontra imerso na tarefa de preparação dos Jogos Olímpicos, que colocarão a toda prova sua capacidade de liderança na coordenação de vários departamentos governamentais, ministérios e províncias, com o objetivo de mobilizar todo o aparelho de segurança durante o evento. O novo vice-presidente da China também terá que lidar com as questões de direitos humanos, um tema que tem cada vez mais eco na medida em que se aproxima de 8 de agosto, data da inauguração das Olimpíadas. Ele precisará ainda enfrentar os conflitos abertos com o Tibete, Taiwan e a minoria muçulmana do leste. Além disso, Xi também é o responsável por outro grande evento que ocorrerá no gigante asiático este ano: as celebrações do 30º aniversário da reforma e abertura chinesa iniciada em 1978, que colocou fim à política de economia planificada e transformou o país em uma "economia socialista de mercado". A trajetória do novo vice-presidente se parece muito à de Hu Jintao em sua ascensão ao poder, mas de maneira acelerada: o atual presidente precisou de cinco anos para ser nomeado membro da Comissão Permanente do Politburo e chegar à Vice-Presidência, enquanto Xi conseguiu o mesmo em apenas seis meses. O plenário da ANP também reelegeu Wu Bangguo para um segundo e último mandato como presidente da Assembléia.

Tudo o que sabemos sobre:
CHINAHU JINTAOELEIÇÃO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.