Identificado quadro perdido de Van Gogh

O Museu Van Gogh anunciou nesta segunda-feira a identificação de um quadro perdido do mestre impressionista holandês.

AE, Agência Estado

09 de setembro de 2013 | 12h58

"Pôr-do-sol em Montmajour" é a primeira tela integral do mestre holandês a ser descoberta desde 1928. A pintura passou anos guardada em um sótão de uma casa na Noruega porque o proprietário pensava não se tratar de uma obra autêntica.

O quadro foi pintado em 4 de julho de 1888. Ele pôde ser datado com exatidão porque Van Gogh descreveu a pintura em uma carta a seu irmão, Theo, e relatou tê-la realizado na véspera da postagem.

"Pôr-do-sol em Montmajour" retrata uma paisagem seca formada por carvalhos, arbustos e o céu, tudo nos traços característicos de Vincent Van Gogh.

Especialistas do Museu Van Gogh disseram que a obra foi declarada original depois de terem sido analisados a carta, o estilo e os materiais usados.

Ao revelar o quadro, Axel Rueger, diretor do museu, classificou a descoberta como "uma experiência única na vida".

O quadro pertence a um colecionador particular, mas não foram divulgados muitos detalhes além do fato de a pintura ter ficado guardada no sótão porque alguém disse ao dono que não se tratava de um Van Gogh.

Rueger revelou que o próprio museu chegou a negar a autenticidade da pintura na década de 1990, em parte pelo fato de ela não conter a assinatura do mestre holandês.

"Pôr-do-sol em Montmajour" ficará em exposição no Museu Van Gogh até o dia 24. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
HolandaVan Goghquadroperdido

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.