Identificados autores de ataque que matou 22 pessoas no Irã

Os autores do ataque a um comboio oficial que causou a morte de 22 pessoas na semana passada foram identificados, anunciou nesta quinta-feira o principal responsável pela polícia do Irã, o general Ismael Ahmadi Moghadam. "Os autores dos atentados terroristas na província de Sistan-i-Beluchistan foram identificados e suas fichas apresentadas à polícia do Afeganistão e do Paquistão pela Interpol", disse Moghadam, citado pela agência de notícias iraniana "Fars". No último dia 16, um grupo de 12 homens armados atacou um comboio oficial em que viajava o governador da província de Sistan-i-Beluchistan, Hassan Ali Nour. Morreram 22 pessoas na ação e várias outras ficaram feridas, entre elas o governador. Segundo a mesma fonte, os autores do ataque fugiram para uma região entre o Paquistão e o Afeganistão, que não está sob controle de nenhum dos dois países. Um dia depois do atentado, o general Moghadam acusou indiretamente os EUA e o Reino Unido de participação no ataque.

Agencia Estado,

23 Março 2006 | 06h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.