Idosa encontrada viva após 9 dias entre destroços no Irã

Trabalhadores iranianos encontraram uma mulher de cerca de 90 anos ainda viva em meio aos destroços deixados pelo terremoto que destruiu a cidade de Bam. O tremor ocorreu há nove dias. ?Ninguém esperava que ela estivesse viva. É um milagre?, disse o porta-voz do governo provincial Asadollah Iranmanesh. Asadollah disse não ter visto a mulher, mas que ela saiu das ruínas capaz de falar.A agência de notícias estatal do Irã, citando a Sociedade Crescente Vermelho, identificou a mulher como Sharbanou Mazandarani, de 97 anos. Em outro desdobramento, autoridades da ONU alertaram para os problemas psicológicos sofridos pelos sobreviventes. ?Desordem de estresse pós-traumático é predominante?, diz um relatório das Nações Unidas. Na sexta-feira, médicos enviados pelos Estados Unidos operaram um jovem soldado iraniano que tentou suicídio depois de saber que o terremoto havia eliminado toda sua família.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.