Iêmen aprova projeto de lei que dá imunidade a Saleh

Sanaa, 8 - O gabinete do Iêmen aprovou um projeto de lei que garante imunidade ao presidente do país, Ali Abdullah Saleh, e a qualquer um que trabalhou sob seu comando durante os 33 anos de seu governo. Com isso, Saleh e suas forças de segurança não podem ser julgados pela morte de centenas de pessoas durante as manifestações contrárias ao regime.

Agência Estado

08 de janeiro de 2012 | 19h27

O projeto de lei foi aprovado seguindo os termos do acordo de transferência de poder assinado por Saleh na Arábia Saudita no final do ano passado, que garante imunidade ao presidente desde que ele passe o poder para o vice-presidente do Iêmen, Abed Rabbo Mansour Hadi, em 21 de fevereiro.

O projeto de lei ainda precisa ser aprovado pelo parlamento iemenita. As informações são da Associated Press. (Equipe AE)

Tudo o que sabemos sobre:
IêmenSaleh

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.