Igreja canonizará nativa americana pela 1ª vez

A Igreja Católica canonizará pela primeira vez uma integrante de tribo nativa americana. Kateri Tekakwitha, da nação Mohawk, ganhará o posto de santa mais de 300 anos após sua morte. Representantes do Vaticano investigaram e confirmaram que Kateri realizou diversos milagres. O feito mais recente entre os reconhecidos ocorreu em 2006.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.