<i>Le Monde</i> diz que alta do petróleo pede revolução de mentalidade

O jornal francês Le Monde diz que a alta dos preços do petróleo pede uma "revolução de mentalidades" na área de energia. Para o diário, além dos preços - que na terça-feira passaram de US$ 72 o barril pela primeira vez - é preciso levar em conta a ameaça do aquecimento global e os riscos envolvidos no investimento para mais energia nuclear. O Le Monde diz que não é realista pensar em abandonar a energia nuclear no curto ou no médio prazo, mas que é preciso começar a "diversificar as nossas respostas" e "explorar todas as vias possíveis". Na Espanha, o jornal El Periódico diz que o crescimento do país terá de ser recalculado por causa da grande variação nos preços do petróleo. De acordo com o jornal, a Espanha é um dos países da União Européia que mais dependem da importação de petróleo e derivados para alimentar a sua economia. "O aumento irreversível dos custos de energia é o aviso final para acharmos um plano econômico nacional adaptado à nossa realidade", diz o diário espanhol.

Agencia Estado,

19 Abril 2006 | 09h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.