Ahmad Masood / Reuters
Ahmad Masood / Reuters

Impasse entre Cabul, Taleban e EUA adia reunião no Catar

Governo do Afeganistão reclama de mal estar criado por instalação de escritório do grupo islâmico em Doha

O Estado de S. Paulo,

20 Junho 2013 | 10h46

As negociações preliminares de paz no Catar entre autoridades dos EUA e do Taleban não devem acontecer mais nesta quinta-feira, 20, como estava previsto, disse à Reuters uma fonte familiarizada com a questão. O motivo é a insatisfação do governo afegão com o status dado ao grupo radical islâmico.

"Não há nada marcado que eu tenha conhecimento", declarou a fonte. Perguntada se isso significava que não seria nesta quinta, acrescentou: "Sim, está correto".

Uma importante autoridade americana disse na quarta-feira que as conversas com o Taleban deveriam ocorrer nos próximos dias no Catar, após atraso causado pela tensão a respeito da abertura de um novo escritório do grupo radical islâmico em Doha. Autoridades afegãs acusaram Washington de quebra de confiança por terem prometido inicialmente que o novo escritório não seria a representação oficial de uma missão de facto.

Especificamente, o Afeganistão se opôs à cerimônia de inauguração do escritório, que incluiu o hasteamento de uma bandeira do Taleban e a presença de um cartaz com o nome dado pelo grupo insurgente ao país: Emirado Islâmico do Afeganistão. Segundo Cabul, isso passa a impressão de que o Taleban havia alcançado algum nível de reconhecimento político internacional.

Um comunicado publicado na noite de quarta no site da chancelaria do Catar esclareceu que o escritório será chamado de "Bureau Político do Taleban do Afeganistão em Doha", e não de "Bureau Político do Emirado Islâmico do Afeganistão". A fonte em Doha disse à Reuters que não há data marcada para as conversas e não há decisão por parte do governo do Afeganistão se participará ou não da negociação. / REUTERS

Mais conteúdo sobre:
AfeganistãoTaleban

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.