Imperador do Japão e mulher festejam nascimento de neto

O imperador do Japão, Akihito, e sua mulher, a imperatriz Michiko, anunciaram nesta quarta-feira que sentiram um grande "alívio" ao saber do nascimento de seu primeiro neto do sexomasculino, o bebê do príncipe Akishino e da princesa Kiko. "Estamos aliviados por saber do nascimento bem-sucedido. Enviamos nossas mais sinceras saudações", disse o imperador, que recebeu anotícia num hotel de Sapporo, na ilha japonesa de Hokkaido, no norte do país. Os imperadores participam de um Congresso Internacional de Microscopia na capital de Hokkaido. Centenas de habitantes de Sapporo se reuniram diante do hotel onde estão hospedados os imperadores para dar seus parabéns. Akishino, de 40 anos, e Kiko, de 39 anos, têm também duas meninas, as princesas Mako e Kako, de 14 e 11 anos, respectivamente. Este é o primeiro homem a nascer na família imperial em quase 41anos e, pela lei patrilinear japonesa, é o terceiro na linha de sucessão do seu avô Akihito, de 71 anos, depois do seu tio, opríncipe herdeiro Naruhito, de 46 anos, e seu pai, Akishino. O príncipe Naruhito e sua a princesa Masako, de 42 anos, têm uma filha, Aiko, de 4 anos, que, segundo a atual Lei de Sucessão Imperial, de 1947, não pode reinar. A lei estabelece que só podemherdar o Trono do Crisântemo os homens descendentes por linha direta do imperador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.