Rozette Rago/NYT
Rozette Rago/NYT

Imposto sobre desperdício de água vira tema central em recall de governador da Califórnia

Moradores do Estado votam para decidir se destituem o democrata Gavin Newsom

Christina Morales, The New York Times, O Estado de S.Paulo

14 de setembro de 2021 | 05h00

LOS ANGELES - Craig Gordon, proprietário de várias fazendas de laticínios perto de Los Angeles, é um democrata de longa data. Ele apoiou o senador Bernie Sanders para presidente, não gosta do ex-presidente Donald Trump e votou no governador Gavin Newsom em 2018.

Mas, ultimamente, ele disse, altos impostos sobre o leite, restrições relacionadas à pandemia que cortaram suas vendas e as limitações impostas pelo Estado à água para a agricultura o deixaram tão zangado com Newsom que ele pagou por sete outdoors em todo o Estado - a maioria deles no Vale Central, que produz um quarto dos alimentos do país - conclamando as pessoas a removerem o governador na eleição revogatória de terça-feira.

Gordon disse que gastou cerca de US$ 44 mil com os outdoors. “Se eu tivesse que gastar meu último centavo para me livrar desse cara, eu o faria”, disse ele. O fechamento de escolas durante a pandemia causou perdas diárias de cerca de US$ 15 mil nas vendas de leite, ele afirmou. Com a baixa e os impostos, terá que vender suas vacas e fechar o negócio no próximo ano.

Os agricultores são um eleitorado-chave na Califórnia, onde o setor agrícola de US$ 50 bilhões representa cerca de 3% do Produto Interno Bruto do Estado. Durante este ano de seca excepcional, com restrições ao uso de água, muitos querem a troca de Newsom por um sucessor que, acreditam, apoiaria mais as pequenas empresas e lutaria pelo fim do racionamento.

Críticas em meio à seca

Em entrevistas nos últimos dias, vários agricultores disseram que Newsom não respondeu com tanta urgência quanto gostariam aos seus apelos por mais armazenamento de água, com a construção de represas e reservatórios, por exemplo, para ajudá-los em secas futuras.

“Ele não está lá pelo Estado da Califórnia”, disse Gordon sobre o governador democrata. “Estamos com raiva e o povo do Estado quer que esse cara vá embora.”

A raiva aumentou no mês passado, quando o Conselho de Controle de Recursos Hídricos do Estado aprovou uma ordem de restrição de emergência para a bacia hidrográfica do Delta, em Sacramento-San Joaquin, impedindo muitos agricultores de usar a água de rios e córregos. Com a seca, o Vale Central está sofrendo os efeitos de anos de bombeamento de muita água de seus aqüíferos.

“O estresse que os agricultores e nossa comunidade agrícola sentiram por causa da covid-19 acabou de ser exacerbado este ano por causa dos dias de calor extremo e agora da seca”, disse Karen Ross, secretária do Departamento de Alimentos e Agricultura da Califórnia. “A dor não pode ser minimizada. É muito real. ”

Falta d'água preocupa o Estado

O gabinete de Newsom disse que o governador apoia os agricultores e pecuaristas, ao mesmo tempo que tenta promover a conservação da água e outras medidas para combater os efeitos da mudança climática. O orçamento do Estado inclui US$ 5,1 bilhões a serem gastos ao longo de quatro anos para mitigar o impacto da seca. Isso inclui o financiamento de projetos de emergência que assegurariam e expandiriam o abastecimento de água e um planejamento de contingência.

Newsom também trabalhou com o Legislativo para pressionar por mais de US$ 1 bilhão em gastos com agricultura inteligente para o clima, disse seu escritório. Isso inclui o Programa Solos Saudáveis, que oferece subsídios para permitir que os agricultores adotem práticas de manejo do solo que sequestram carbono. E Newsom também apelou ao sacrifício; em julho, pediu a todos os californianos que cortassem voluntariamente o uso de água em 15%. (Cerca de 80% da água que a Califórnia usa vai para a agricultura.)

Mas em entrevistas, muitos agricultores disseram que os atuais limites de água, combinados com outras restrições e impostos estaduais, estrangularam seus meios de subsistência.

Jerry Coelho, proprietário da Terra Linda Farms em Riverdale, disse que se a crise hídrica não diminuir no próximo ano, ele terá que parar de cultivar metade de seus 6 mil acres e usar essa água para ajudar a irrigar suas plantações de uso intensivo de água, como pistache, amêndoas e uvas para vinho.

Ele está preocupado porque suas contas de água continuam altas, enquanto ele recebe apenas uma pequena fração da água a que diz ter direito. E está frustrado por não ter havido criação de novos reservatórios, represas ou bancos de água para aproveitar a água da neve acumulada em Sierra Nevada, uma fonte crítica. “Sempre há uma desculpa para não conseguirmos água”, disse ele. “O pior de tudo é não fazer nada.”

Cobranças x conservação

Ativistas climáticos e ambientalistas enfatizaram a importância de conservar a água em um Estado que está ficando cada vez mais seco com as mudanças climáticas. Coelho disse que os agricultores têm feito tudo o que podem.

Ele apóia a substituição de Newsom por Larry Elder, um apresentador de rádio conservador e principal desafiante do governador, que se reuniu com fazendeiros em paradas de campanha, dizendo-lhes em uma aparição em Fresno este mês que, se eleito, ele suspenderia imediatamente o índice de Qualidade Ambiental da Califórnia de 1970. Essa mudança, de acordo com o Fresno Bee, permitiria a construção de barragens e reservatórios com mais facilidade.

As necessidades de água dos agricultores têm sido uma causa central na política por décadas e um grande problema no Estado por um século, disse Issac Hale, um pós-doutorado do Centro Blum sobre Pobreza, Desigualdade e Democracia da Universidade da Califórnia.

“Esta é uma reclamação que está no Vale Central há anos e é uma verdadeira fonte de tensão entre a indústria agrícola e os democratas que estão preocupados com a conservação da água”, disse ele, acrescentando que há uma divisão racial entre proprietários de fazendas e seus trabalhadores, muitos deles latinos, que tradicionalmente votam nos democratas.

Cerca de metade dos eleitores que devolveram as cédulas até sexta-feira são brancos, disse Hale, o que pode beneficiar o esforço de revogação. Mas as taxas de retorno das urnas no Vale Central foram mais baixas do que em áreas que costumam apoiar os democratas, disse ele.

Alguns agricultores expressaram simpatia por Newsom. “Ele é o governador em um momento muito difícil e acredito que fez o melhor trabalho que foi capaz de fazer”, disse Don Cameron, gerente geral do Terranova Ranch, cerca de 30 milhas a sudoeste de Fresno. “Há muitos agricultores que não concordam com essa posição, mas é uma questão política, infelizmente.”

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.