EFE/EPA/KCNA
EFE/EPA/KCNA

Imprensa oficial divulga imagens de Kim Jong-un em show de ginástica

Espetáculo celebrou conquistas da dinastia Kim; líder estava acompanhado por militares pesos pesados do regime

Redação, O Estado de S.Paulo

12 de outubro de 2020 | 13h11

SEUL - O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, assistiu à apresentação de um espetáculo de ginástica com a participação de milhares de pessoas e realizado no domingo em Pyongyang para comemorar o 75º aniversário do Partido dos Trabalhadores, informou a imprensa estatal do país asiático nesta segunda-feira, 12.

O espetáculo, intitulado Grande Liderança, celebrou conquistas da dinastia Kim e fortaleceu o apoio ao regime em um ano marcado não apenas pelo aniversário do partido único, como pelo caos econômico deixado pela pandemia do novo coronavírus e pelos tufões que atingiram o país.

A apresentação, que lembra a cerimônia de abertura de grandes eventos esportivos e conta com milhares de estudantes, mistura música, dança e vários efeitos visuais.

Kim assistiu ao show acompanhado por militares pesos pesados do regime, como Choe Ryong-hae e Pak Pong-ju, assim como por personalidades cada vez mais influentes no país, como Ri Pyong-chol, chefe do programa de mísseis norte-coreano, que foi nomeado na semana passada marechal do exército terrestre, o posto mais importante desta força militar.

Além disso, fotos publicadas pelo jornal Rodong Sinmun e pela agência de notícias estatal KCNA mostraram o público no Estádio 1º de Maio - que tem capacidade para 114 mil espectadores - usando máscaras de proteção contra o coronavírus, ao contrário das autoridades, incluindo Kim Jong-un.

O regime alega que não detectou um único caso de covid-19 entre sua população, mas ao mesmo tempo enviou mensagens contraditórias sobre o alcance do vírus em seu território, tornando obrigatório o uso de máscaras de forma aleatória.

Por exemplo, no desfile militar realizado no sábado em Pyongyang também para comemorar o aniversário do partido único, não havia nenhuma pessoa usando máscara. /EFE

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.