Bullit Marquez/AP
Bullit Marquez/AP

Incêndio causa mortes em complexo hoteleiro em Manila

Quatro funcionários morreram e 300 hóspedes foram evacuados do local

Associated Press

18 Março 2018 | 05h47

MANILA - Um incêndio que atingiu um complexo hoteleiro e um cassino em Manila, capital das Filipinas, matou quatro funcionários, deixou outros dois presos e forçou a evacuação de mais de 300 hóspedes, alguns de helicóptero.

A polícia não sabe informar se o incêndio no Manila Pavilion Hotel e Casino, que ainda consumia as instalações após cinco horas, começou no cassino ou em uma área do hotel que estava em reforma.

Johnny Yu, que dirige a agência de resposta a desastres de Manila, disse aos jornalistas que pelo menos outras seis pessoas foram afetadas pela fumaça e foram encaminhadas para um hospital. Entre os mortos estão dois seguranças e um funcionário da tesouraria, informou. 

+++ Queda de avião causa 7 mortes nas Filipinas

 

"A fumaça é muito espessa e, além disso, há o vento que estamos tentando superar", disse Yu. "Nossos bombeiros estão tendo muitas dificuldades".

Pelo menos 19 pessoas estão desaparecidas, mas Yu disse que apenas duas pessoas, que trabalhavam na operação das câmeras de segurança, estariam confirmadamente presas nas dependências do hotel e os socorristas estariam tentando alcançá-las.

A polícia e os bombeiros isolaram as áreas ao redor do hotel, que fica no coração do distrito turístico de Manila, para permitir o acesso de dezenas de caminhões de bombeiros e ajudassem no combate ao incêndio. /AP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.