Incêndio destrói casas e deixa 13 feridos na Califórnia

Governador declara emergência na área atingida, que abriga mansões de astros como Oprah Winfrey e Michael Douglas

ASSOCIATED PRESS, O Estadao de S.Paulo

15 de novembro de 2008 | 00h00

O governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, declarou ontem estado de emergência no Condado de Santa Barbara, noroeste de Los Angeles, onde, desde quinta-feira, um incêndio já destruiu mais de cem casas e bosques de eucalipto em uma área de 10 km². Pelo menos 13 pessoas ficaram feridas.A comunidade de Montecito, a área mais atingida, é conhecida como a Riviera da América por causa das luxuosas mansões de estilo mediterrâneo habitadas por estrelas do cinema e da TV, como a apresentadora Oprah Winfrey e os atores Christopher Lloyd, Michael Douglas e Catherine Zeta-Jones.Na abertura de seu programa de TV, Oprah disse: "A primeira coisa sobre a qual eu quero falar é o feroz incêndio que está queimando agora mesmo meu bairro, Montecito. Este incêndio está a 3 quilômetros de minha casa."Pelo menos 20 mil pessoas já foram retiradas de 2.500 casas que ficaram sem eletricidade e são ameaçadas pelas chamas no Condado de Santa Barbara. O ator Rob Lowe, de 44 anos, disse a uma TV local que ele e seus filhos deixaram sua casa em Montecito assim que as chamas começaram a se aproximar com rapidez. "Parecia o Armagedon", disse Lowe.Os cerca de 650 bombeiros que tentam conter o incêndio - com a ajuda de pelo menos 20 helicópteros e aviões - estão preocupados com os ventos fortes que sopram das montanhas para o mar, alastrando o fogo rapidamente.Além das casas e bosques, o incêndio também destruiu um mosteiro beneditino e partes de um câmpus universitário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.