Incêndio em asilo da China deixa 38 mortos, diz imprensa estatal

Pelo menos seis pessoas ficaram feridas, duas em estado grave

O Estado de S. Paulo

25 de maio de 2015 | 21h41

PEQUIM - Um incêndio em um asilo no centro da China deixou pelo menos 38 mortos e 6 feridos, segundo a imprensa estatal chinesa. De acordo com a agência de notícias Xinhua, o incêndio atingiu um prédio de apartamentos usado como um asilo privado na cidade de Pingdingshan, na Província de Henan.

A Xinhua disse que dois feridos estavam em estado grave e uma operação de resgate ainda estava em andamento na manhã desta terça-feira (hora local). A causa do incêndio ainda não estava clara. / AP

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaincêndioasilo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.