Incêndio em fábrica de fogos mata 21 pessoas na Índia

Os operários - entre eles pelo menos dez menores - estavam trabalhando quando começou o incêndio, e ficaram presos pelas chamas

EFE

11 de abril de 2009 | 05h37

Pelo menos 21 pessoas, seis delas crianças, morreram e outras 35 ficaram feridas num incêndio registrado nesta sexta-feira em uma fábrica de fogos de artifícios no oeste da Índia, informou a agência local "Ians".

 

A Polícia informou que o fogo começou às 17h locais (8h30 de sexta-feira em Brasília) na cidade de Parola, na região ocidental de Maharashtra.

 

Segundo os policiais, os operários - entre eles pelo menos dez menores - estavam trabalhando quando começou o incêndio, e ficaram presos pelas chamas.

 

Os corpos de 17 vítimas foram transferidos a um Instituto Médico Legal para ser identificados, enquanto os feridos, dez deles em estado crítico, foram levados aos hospitais das cidades de Parola e Dhule.

 

A Polícia abriu uma investigação para apurar as causas do acidente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.