Incêndio em hotel força retirada de mais de 300 em Tóquio

Fogo começou na cozinha e, após ser controlado, hóspedes puderam retornar para os quartos

Efe,

20 de junho de 2008 | 01h16

Um incêndio ocorrido na noite de quinta-feira, 19, no luxuoso Hotel Palace de Tóquio forçou a retirada de quase 260 hóspedes e de mais de 50 empregados, embora não tenha causado feridos. O incêndio começou na cozinha, situada no porão do hotel, pouco após a meia-noite, segundo indicaram os bombeiros. O hotel, situado no bairro de Chiyoda, em frente ao Palácio Imperial e próximo ao distrito comercial de Ginza, tem dez andares e na quinta à noite hospedava 257 pessoas. Os clientes, que a princípio se mostraram nervosos, puderam retornar a seus quartos por volta das quatro da madrugada no horário local (16h de Brasília), após o incêndio ser sufocado. Segundo o Corpo de Bombeiros de Tóquio, 47 carros compareceram ao local para controlar o fogo.

Mais conteúdo sobre:
JapãoTóquioincêndiohotel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.