Incêndio em ônibus deixa ao menos 32 crianças mortas na Colômbia

Vítimas voltavam de uma cerimônia religiosa; autoridades investigam causas do acidente

O Estado de S. Paulo,

18 Maio 2014 | 20h21

BOGOTÁ - Ao menos 32 crianças com idades entre 1 e 8 anos morreram neste domingo, 18, quando voltavam de uma cerimônia religiosa, informaram autoridades locais. O ônibus em que viajavam explodiu e pegou fogo na região de Fundación, norte do país.

O presidente Juan Manuel Santos afirmou que irá para a região do acidente. "O país está de luto", afirmou.

Segundo o chefe de polícia da região, Adán León, 18 pessoas foram resgatadas vivas. León explicou que cerca de 50 pessoas estavam no ônibus e o número de mortos pode aumentar.

Autoridades locais já investigam o que causou o incêndio no ônibus, com capacidade máxima para 38 pessoas. Segundo a prefeita de Fundación, Luz Estella Durán, em entrevista para a emissora de TV RCN, o acidente foi causado pelo manuseio de gasolina pelo motorista./ AP e EFE

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.