Incêndio em pequeno hotel deixa 10 mortos na China

Causa da tragédia ainda é desconhecida; além das mortes, quatro pessoas ficaram feridas e 50 foram retiradas do edifício

Efe,

13 de janeiro de 2011 | 04h38

PEQUIM - Dez pessoas morreram e outras quatro ficaram feridas em um incêndio ocorrido nesta quinta-feira, 13, em um hotel da cidade de Changsha, capital da província chinesa de Hunan, informou o governo local através da agência oficial Xinhua.

 

O incêndio, que tem causa desconhecida, ocorreu à 1h do horário local (15h de quarta-feira, 12, em Brasília) no Hotel Xinawan, um pequeno estabelecimento.

 

Seis pessoas morreram no hotel, enquanto as outras quatro vítimas fatais chegaram a ser levadas com vida ao hospital, mas não resistiram.

 

A maior parte das vítimas morreu intoxicada pelo fumaça, já que muitas das janelas do hotel estavam fechadas devido ao frio, assinalaram os bombeiros, que levaram mais de uma hora para apagar o fogo e evacuaram 50 pessoas do edifício.

 

Os quatro feridos se encontram em situação estável, afirmaram fontes hospitalares.

Tudo o que sabemos sobre:
China, incêndio, hotel

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.