, O Estado de S.Paulo

16 de novembro de 2010 | 00h00

Um incêndio em um prédio residencial de Xangai deixou ontem pelo menos 42 mortos e mais de 90 feridos. Segundo a agência de notícias estatal Nova China, testemunhas afirmaram que o fogo começou nos materiais de construção do edifício, que passava por uma reforma. O prédio de 28 andares abrigava 156 famílias, a maioria professores e servidores públicos aposentados. Alguns dos moradores tentaram escapar pelas janelas e por andaimes. Os sobreviventes foram levados para um estádio nos arredores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.