Incêndio em prédio mata 6 e fere 11 na Coréia do Sul

Na hora que o fogo começou, 40 pessoas ocupavam os 68 quartos de 6,6 metros quadrados que havia no 9º andar

Efe,

25 de julho de 2008 | 00h17

Seis pessoas morreram e 11 ficaram feridas em um incêndio em uma residência para estudantes e trabalhadores na localidade de Yongin, na província de Gyeonggi, informou a agência Yonhap. O fogo, que pode ter sido provocado, começou a destruir o nono andar do prédio - de dez pavimentos - por volta de 1h30 (13 horas de Brasília desta quarta-feira). Na hora, 40 pessoas ocupavam os 68 quartos de 6,6 metros quadrados que havia no andar. Segundo as autoridades da província de Gyeonggi, a densa nuvem de fumaça foi a causa da morte de várias pessoas. O fogo demorou cerca de 40 minutos para ser controlado. As autoridades, que já abriram uma investigação, suspeitam que o incêndio pode ter sido provocado. O número de mortos pode aumentar, já que vários dos feridos estão em estado grave.

Tudo o que sabemos sobre:
Coréia do Sulincêndiofogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.