Incêndio florestal no Arizona mata 19 bombeiros

Chamas começaram a se alastrar na sexta-feira e se espalharam para 809 hectares

AE, Agência Estado

01 de julho de 2013 | 02h09

YARNELL - Um incêndio florestal nos EUA matou 19 bombeiros no Estado do Arizona. Segundo autoridades, os bombeiros tinham treinamento especial para lidar com situações como esta, mas não conseguiram escapar das altas temperaturas e do fogo.

As chamas começaram a se alastrar na sexta-feira e se espalharam para 2.000 acres (809 hectares) no domingo, em meio a altas temperaturas, baixa umidade e condições adversas de vento. Autoridades ordenaram a retirada dos moradores de mais de 50 casas em várias comunidades.

Segundo a Associação Nacional de Proteção contra Incêndios, o pior incêndio florestal envolvendo bombeiros, até então, havia ocorrido em 1994 no Colorado. Na época, 14 bombeiros foram mortos depois de serem surpreendidos por uma súbita explosão de chamas. /AP

Veja imagens do incêndio:

Tudo o que sabemos sobre:
EUAIncêndioArizona

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.