Erik de Castro/Reuters
Erik de Castro/Reuters

Incêndio nas Filipinas mata 12 pessoas

Uma centena de casas na capital do país foi totalmente consumida pelas chamas

Efe,

30 de janeiro de 2011 | 05h39

MANILA - Doze pessoas, incluindo cinco crianças, morreram em um incêndio que calcinou uma centena de casas na capital das Filipinas, informaram neste domingo fontes oficiais.

O chefe dos bombeiros municipal, Felix Medes, declarou à imprensa local que o fogo se originou na tarde deste sábado e se prolongou até esta madrugada no distrito metropolitano de Navotas.

Segundo Medes, 11 pessoas morreram quando foram surpreendidos pelas chamas em suas casas, enquanto outra vítima faleceu de um ataque ao coração.

Uma mãe, seus dois filhos de um e três anos e seu sogro morreram em uma das casas, enquanto três irmãos de entre dez e 12 anos foram queimados em outra.

A Polícia está investigando as causas do incêndio, mas se suspeita que começou quando um homem com incapacidade mental ateou fogo enquanto brincando com uma garrafa de gasolina.

Tudo o que sabemos sobre:
Filipinasincêndiointernacional

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.