Incêndios destróem casas e deixam um morto na Austrália

Uma série de incêndios fora de controle se propaga hoje pelos arredores da capital australiana, Camberra, onde dezenas de casas já foram destruídas e milhares de pessoas tiveram que ser removidas. Segundo a polícia, pelo menos um residente morreu. As autoridades decretaram estado de emergência no Território da Capital Australiana, enquanto as temperaturas aumentavam e os intensos ventos do oeste propagavam o fogo nas montanhas ao norte e sul de Camberra. Os serviços de emergência calculam que entre 50 e 60 casas já foram destruídas na capital australiana, disse o porta-voz Mike Castle.Uma densa fumaça escura cobria a cidade de 320 mil habitantes, sobre a qual caía uma chuva de cinzas. As ruas estavam praticamente desertas e as emissoras de rádio emitiam advertência a mais de 30 bairros que poderiam ficar no caminho das chamas. "O que está ocorrendo hoje é uma experiência que ocorre uma vez a cada 100 ou 200 anos", afirmou John Stanhope, líder político da região.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.