Incêndios florestais em Portugal fazem mais um vítima

Morreu em Portugal nesta quinta-feira o 7º bombeiro em apenas um mês vítima de queimadas em florestas do país. O homem, de 50 anos, faleceu no hospital depois de sofrer várias queimaduras em uma floresta na semana passada.

AE, Agência Estado

05 de setembro de 2013 | 16h33

Temperaturas acima de 30 graus Celsius e fortes ventos em agosto acionou equipes de emergência nas últimas semanas e levou as autoridades a pedirem por oito aviões de combate a incêndio de outros países europeus. Nesta semana, temperaturas mais amenas e maior umidade no ar ajudaram a extinguir os focos de incêndio.

Segundo cálculos da autoridade local, a área atingida pelas queimadas até agosto deste ano, de 94 mil hectares, é 25% maior do que no mesmo período do ano passado.

Mais conteúdo sobre:
PORTUGALINCÊNDIOBOMBEIROMORTE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.