Indecisos na eleição nos EUA são 23%, diz pesquisa

Dos eleitores registrados nos EUA, 23% permanecem indecisos em relação à corrida presidencial a apenas dois meses da votação, segundo pesquisa da Associated Press-GfK.

AE-AP, Agência Estado

25 de agosto de 2012 | 10h57

Os votos dos indecisos provavelmente terão peso numa disputa apertada entre o presidente Barack Obama, que busca um segundo mandato, e o candidato do Partido Republicano, Mitt Romney.

Apenas 29% dos indecisos têm forte interesse na campanha deste ano, contra 51% dos eleitores que já escolheram em quem votar, indicou a pesquisa.

Os indecisos são homens em sua maioria, um pouco mais jovens que os eleitores decididos, têm menos escolaridade e renda menor.

A pesquisa, realizada entre 16 e 20 de agosto, inclui 7% de eleitores que não declararam voto a nenhum candidato, 7% que têm ligeira preferência por Obama e 7% que tendem mais para Romney. A sondagem envolveu 885 entrevistados por telefone, 192 dos quais foram considerados indecisos. A margem de erro do levantamento para os eleitores registrados é de 4,1 pontos porcentuais para cima ou para baixo e, para os indecisos, de 8,9 pontos. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAeleiçãopesquisa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.