Índia: 37 trabalhadores presos em mina

A esperança de socorrer os 37 mineiros presos desde a sexta-feira passada em um mina de carvão inundada no leste da Índia diminuíram nesta terça-feira, de acordo com o porta-voz da companhia Bharat Coking Coal Ltd. (BCCL), Ramanuj Prasad. Equipes de salvamento conseguiram resgatar o corpo de um trabalhador flutuando na mina, localizada em Dhanbad, a 120 quilômetros de Ranchi, capital do Estado de Jharjand. De acordo com as autoridades, cerca de 51 mineiros ficaram presos em uma galeria de 241 metros de profundidade depois de milhões de litros de água invadiram a mina. Treze mineiros conseguiram ser resgatados com vida. O acidente em Dhanbad aconteceu num momento em que a Índia enfrenta as conseqüências de um terremoto no Estado de Gujarat, no oeste do país, que deixou milhares de mortos no último dia 26 de janeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.