Indivíduo mais velho do mundo morre aos 116 anos

A pessoa mais velha do mundo morreu nesta quarta-feira (horário local) com a idade de 116 anos. Jiroemon Kimura, do Japão, havia sido registrado pelo Guinness World Records como a pessoa mais velha do mundo, o homem mais velho e o homem mais velho de todos os tempos.

AE, Agência Estado

12 de junho de 2013 | 02h01

Nascido em 19 de abril de 1897, Kimura morreu de causas naturais.

De acordo com o Guinness, Kimura foi o primeiro homem na história a ter vivido 116 anos. O japonês se tornou o homem mais velho de todos os tempos em 28 de dezembro de 2012, com a idade de 115 anos e 253 dias, quebrando o recorde estabelecido por Christian Motensen, um imigrante dinamarquês nos Estados Unidos, cuja vida durou entre 1882 e 1998.

O título de pessoa mais velha permaneceu no Japão, mas agora com uma cidadã japonesa, Misao Okawa, de Osaka. Ela também é atualmente a mulher mais velha do mundo. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
morteguinnesspessoa mais velha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.