Indonésia: erro de pilotos causou acidente aéreo em março

Uma distração dos pilotos causou o acidente aéreo que custou a vida de 21 pessoas quando um avião da companhia aérea estatal Garuda pegou fogo enquanto aterrissava no aeroporto de Yogyakarta, revelou neste domingo, 1, o chefe da investigação na Indonésia."Fico preocupado em saber que o acidente aconteceu por uma falta de atenção da cabine", disse Tatang Kurniadi à emissora de TV australiana Channel 9.Kurdiani acrescentou que a caixa-preta do aparelho mostra que piloto e co-piloto do avião estavam discutindo sobre a velocidade do vôo e o movimento das asas quando ocorreu o acidente.O investigador assinalou que esta foi a primeira vez que os dois dividiam uma missão e que o co-piloto tem cerca de duas mil horas de vôo, enquanto o capitão conta com uma experiência de 15 mil horas.A equipe de investigação encerrará seu trabalho dentro de um mês, disse Kurdiani.O acidente ocorreu no dia 7 de março, quando o avião, um Boeing 747-400 no qual viajavam 140 pessoas, sofreu uma violenta aterrissagem em Yogyakarta (a ilha de Java), o que provocou o incêndio.O piloto e o co-piloto foram submetidos a um interrogatório pela polícia indonésia imediatamente depois do acidente.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.