Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Indonésia pede ajuda internacional para vítimas do terremoto

Terremoto matou pelo menos 1.100 pessoas, de acordo com o subsecretário-geral da ONU

Efe,

02 de outubro de 2009 | 03h45

A Indonésia reivindicou nesta sexta-feira, 2, ajuda internacional para as vítimas do terremoto que atingiu na quarta-feira o oeste da ilha de Sumatra e causou a morte a mais de mil pessoas, segundo dados das Nações Unidas. "Necessitamos ajuda dos países estrangeiros para que mandem trabalhadores de resgate qualificados e com equipamento moderno", explicou a ministra da Saúde indonésia, Siti Fadilah Supari.

 

Os governos da Austrália, Coreia do Sul e Japão, entre outros, devem enviar para Sumatra pessoal especialista em situações de Emergência. Nestes momentos, a prioridade é localizar possíveis sobreviventes soterrados, embora a esperança de encontrar a alguém com vida sob os escombros é cada vez menor.

 

O terremoto provocou a morte de pelo menos 1.100 pessoas, segundo o subsecretário-geral da ONU para Assuntos Humanitários, John Holmes, embora o governo da Indonésia mantenha em 770 a apuração oficial de vítimas mortais. Milhares de pessoas seguem soterradas sob os edifícios demolidos pelo terremoto de 7,6 graus de magnitude na escala Richter que deixou também cerca de 2.400 pessoas feridas, sobretudo em Padang, a cidade mais afetada.

Tudo o que sabemos sobre:
terremotoSumatraIndonésia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.