Indonésia reúne 7 mil em exercício antiterrorista

Forças de segurança da Indonésia realizaram neste domingo um imenso exercício de caçada ao terrorismo, que incluiu simulações em aeroportos, hotéis, navios de passageiros e até na Bolsa de Valores de Jacarta. A Indonésia é o país muçulmano mais populoso do mundo. Cerca de 7 mil policiais, soldados e voluntários tomaram parte no exercício realizado em seis grandes cidades, incluindo a capital Jacarta e o resort turístico Bali.A Indonésia tem sido alvo de explosões suicidas desde 11 de setembro de 2001. Entretanto, especialistas dizem que o risco de mais ataques de larga escala diminuíram com a prisão de centenas de suspeitos. O presidente Susilo Bambang Yudhoyono disse, contudo, que os ataques em Mumbai, na Índia, são um motivo para que a Indonésia permaneça alerta.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.