Inglaterra está perdendo guerra da propaganda, diz oposição

O governo britânico está perdendo a batalha para assegurar o apoio da população aos ataques militares no Afeganistão, afirmou hoje o líder do Partido Conservador (de oposição), Iain Duncan Smith, em artigo assinado no jornal The Daily Telegraph. Segundo Smith, o governo do primeiro-ministro Tony Blair falhou em comunicar claramente os objetivos da campanha e "parece estar perdendo a batalha pelos corações e mentes do povo britânico". Embora a maioria da população ainda apoie a guerra, pesquisas recentes de opinião pública mostraram uma queda no apoio após o assassinato de civis afegãos inocentes pelos bombardeios norte-americanos e britânicos. Na terça-feira, Blair conclamou os britânicos a lembrarem as vítimas dos ataques de 11 de setembro e a se manterem firmes nos propósitos da ofensiva militar no Afeganistão. Smith manteve seu apoio geral à conduta do governo, mas afirmou que mensagens de duplo sentido emitidas pelo governo e pelos militares causaram confusão entre o público. "Até aqueles que apoiaram a ação militar desde o início começam a se perguntar quais seus reais objetivos e como faremos para atingi-los da forma correta", escreveu Smith.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.