Inspetor da ONU crê que Israel tem armas atômicas

O chefe da agência de vigilância nuclear das Nações Unidas disse, em entrevista, acreditar que Israel possui armas nucleares, e sugeriu que o governo israelense se livre de seu arsenal atômico para promover a paz. Mohamed El-Baradei também contou que visitou algumas instalações nucleares de Israel, mas não o reator na cidade de Dimona, onde, acredita-se, são produzidas armas.El-Baradei, chefe da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) falou ao diário israelense Haaretz. A entrevista foi realizada no escritório da AIEA em Viena. O chefe da agência afirmou ter feito diversas visitas a Israel, a mais recente no final dos anos 90, quando se reuniu com o então primeiro-ministro Benjamin Netanyahu. As visitas não vieram a público na época.Mohamed El-Baradei disse que não pode confirmar oficialmente que Israel tem armas nucleares, mas que ?trabalhamos na suposição de que Israel possui capacidade nuclear?, acrescentando: ?Nunca vi Israel negar isso?. O Estado israelense se recusou a assinar o Tratado de Não-Proliferação de Armas Nucleares, porque se recusa a aceitar inspeções internacionais.O governo israelense sempre se mostrou vago ao se referir à posse de armas atômicas, limitando-se a dizer que Israel não será o primeiro país a introduzir armamento atômico no Oriente Médio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.