Inspetores da ONU vão ao Iraque pedir mais cooperação

O Iraque precisa mostrar "mudanças drásticas" na cooperação com os inspetores de armas da Organização das Nações Unidas (ONU), disse o diretor da Agência Internacional de Energia Atômica, Mohamed el-Baradei."O Iraque não está cooperando plenamente. Eles precisam mostrar mudanças drásticas em termos de cooperação", disse El-Baradei, após reunião com o primeiro-ministro britânico, Tony Blair, sobre as buscas por armas de destruição em massa no Iraque.O chefe dos inspetores de armas da ONU, Hans Blix, também participou do encontro. El-Baradei e Blix viajarão durante o fim de semana para Bagdá, para encontrarem-se com altas autoridades iraquianas.Na próxima semana, no dia 14, eles apresentarão um novo relatório ao Conselho de Segurança da ONU. "Nós precisamos mostrar progressos em nosso relatório", disse El-Baradei. "Nossa missão em Bagdá este final de semana é crucial. Nós temos esperança de assegurar 100% de cooperação por parte do Iraque", acrescentou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.