Instalação nuclear do Irã pode ser bombardeada, diz general

O general David Petraeus, chefe do Comando Central dos EUA e responsável pela região do Oriente Médio e Golfo Pérsico, afirmou que os EUA desenvolveram planos de contingência para tratar das instalações nucleares do Irã e insistiu que elas podem ser bombardeadas. As declarações foram feitas à rede de TV CNN, em uma entrevista que deve ir ao ar nesta noite.

AE, Agencia Estado

10 de janeiro de 2010 | 16h37

Petraeus não detalhou os planos, mas disse que o exército tem estudado os impactos de qualquer ação tomada na região. O Irã defende que seu programa nuclear tem propósitos pacíficos, mas os EUA e outros países ocidentais temem que Teerã queira obter armas nucleares.

O Irã tinha até o fim do ano passado para aceitar um acordo proposto por cinco membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU - Grã Bretanha, China, França, Rússia e EUA - e pela Alemanha. No entanto, isso não aconteceu. Em vez disso, o Irã fez sua própria oferta e deu um prazo até o fim de janeiro para que o Ocidente a aceite. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
IrãoEUAnuclear

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.