Miguel Medina/AFP
Miguel Medina/AFP

Instituto Serum aumentará produção da vacina da AstraZeneca em junho

Número que hoje é de 65 milhões de doses deve crescer para 90 milhões no próximo mês, mas vacinas devem priorizar imunização local na Índia

Redação, O Estado de S. Paulo

31 de maio de 2021 | 04h01

O Instituto Serum, da Índia, aumentará a produção da vacina AstraZeneca para cerca de 90 milhões de doses em junho, de acordo com um porta-voz da instituição. Atualmente, este número é de cerca de 65 milhões.

Essas doses, porém, devem ser destinadas à imunização local do país. Em março, a Índia desacelerou a exportação do imunizante para priorizar a vacinação no país por conta do agravamento do cenário da pandemia nos últimos meses. Neste domingo, a Índia registrou mais 152.734 casos e 3.128 óbitos por covid-19. O total de mortes no país já passa de 329 mil.

Este atraso nas entregas também afeta o Brasil. A entrega de oito milhões de doses prontas da vacina à Fiocruz foi postergada para o terceiro trimestre deste ano. A previsão de que viesse em quatro lotes, entre abril e julho, não será cumprida.

Na última semana, a Fiocruz também diminuiu o número de doses previstas para serem entregues ao Ministério da Saúde em junho, por conta de atrasos na chegada de insumos da China. No último sábado (22) o recebimento de um novo lote de insumos possibilitou que a produção fosse retomada na sexta-feira (28) após 5 dias paralisada./Reuters

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.