Intensificada perseguição a Bin Laden no Paquistão

A perseguição ao chefe da redeterrorista Al-Qaeda, Osama bin Laden, intensificou-se hoje nasmontanhas do oeste do Paquistão, onde presume-se que ele estejarefugiado. As buscas, concentradas na província de Baluchistão, perto dafronteira com o Irã, foram reiniciadas depois da prisão deKhalid Sheikh Mohammed, no sábado passado, em Rawalpindi,Paquistão. Durante a detenção de Mohammed, considerado o n.º 3 daAl-Qaeda, foram descobertos documentos que reforçaram aconvicção dos investigadores de que Bin Laden estaria escondidonas montanhas áridas da região. Os documentos encontrados embasaram informações de algunsprisioneiros, que também suspeitam que o braço direito de BinLaden, Ayman Al Zawahiri, esteja na fronteira paquistanesa. Segundo serviços de informação paquistaneses, Mohammed disseter se encontrado com o chefe da Al-Qaeda no fim do ano, "emuma zona montanhosa" a oeste do Paquistão. "No entanto, nãosoube indicar precisamente onde", relatou um dos responsáveispela investigação. O n.º 3 da Al-Qaeda, assim como outros 480 supostos membros darede detidos no Paquistão, foi entregue às autoridades dos EUAtrês dias depois de sua captura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.