Intifada já custou mais de US$ 7 bilhões aos palestinos

Já somam mais de US$ 7 bilhões as perdas econômicas sofridas pela população dos territórios ocupados e pela Autoridade Nacional Palestina (ANP) nos últimos 17 meses, desde que começou a nova intifada. A informação foi dada nesta terça-feira pela agência palestina Wafa, citando as cifras do Escritório de Estatística do ministério de Economia da ANP. A agência crescentou que a porcentagem de palestinos que estão abaixo da linha da pobreza cresceu de 22% para 64,9% e que os desempregados já representam 38% da população dos territórios palestinos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.