Inundação de mina de carvão deixa 15 mortos na China

Quinze mineradores morreram em inundação em uma jazida de carvão da província de Henan, no centro da China. De acordo com o jornal China Daily, as equipes de resgate já recuperaram 14 corpos, depois que os operários ficaram presos na mina de carvão de Shangjiuwu - na cidade de Ruzhou - na quinta-feira. No momento doacidente, 52 operários estavam dentro do poço.A alta densidade de gás e a falta de oxigênio produzidas pelainundação causaram a morte dos mineradores, informaram asautoridades de segurança trabalhista da província.Os proprietários da mina organizaram a operação de resgate seminformar imediatamente o Governo local, que só recebeu o relatóriono dia seguinte.Estavam sendo realizadas obras de renovação na mina no momento doacidente. O poço, de propriedade privada, tinha recebido aautorização para aumentar sua capacidade anual de produção de 90 mila 150 mil toneladas.Estas irregularidades levaram à detenção do proprietário, WangXianguo, enquanto a Polícia tenta localizar os outros dois donos,que fugiram após o acidente. As contas bancárias da mina foramCongeladas.Em outro acidente ocorrido esta semana, 21 mineradores morreramna explosão de gás metano na jazida de carvão da província de Shanxi(norte).A China registra 80% das mortes no setor minerador no mundo, com5.286 mortos em 2006, devido à enorme necessidade deste combustível,que responde por 70% do consumo de energia no país. Devido à grande demanda, os mineradores cavam a uma profundidade cada vez maior, enquanto a maioria de poços carece das medidas necessárias de segurança.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.