Inundação em mina de carvão deixa 20 mortos na China

Pelo menos vinte pessoas morreram e nove estão soterradas devido a inundação de um poço de carvão estatal da província nordeste de Liaoning, informou neste sábado a agência oficial de notícias Xinhua. A inundação aconteceu na noite deste sábado por causas ainda não esclarecidas em um poço do Grupo Mineiro da cidade de Fushun, um dos centros industriais da província, quando 29 mineiros estavam trabalhando, explicaram responsáveis pela segurança do trabalho. As minas chinesas são as mais perigosas do mundo, com mais de 7.500 mortos em 2006, dos quais mais de cinco mil perderam a vida em inundações, explosões e desmoronamentos nos poços de carvão, principal fonte energética do país. A falta de medidas de segurança, a excessiva dependência do carvão, que obriga a escavar cada vez mais fundo, e a corrupção das autoridades locais são algumas das causas da elevada taxa de mortalidade nas minas.

Agencia Estado,

10 Março 2006 | 23h50

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.