Inundações na China já mataram 171 pessoas este ano

Chuvas de verão deixaram 57 pessoas mortas e 52 desaparecidas desde o início deste mês

Efe,

17 de junho de 2008 | 04h30

Um total de 171 pessoas perderam a vida devido a tempestades e inundações na China neste ano, enquanto o país se mantém alerta perante as fortes inundações previstas nos principais rios do país, informou nesta terça-feira, 17, a imprensa oficial. Os dados foram divulgados pelo Escritório Estatal de Controle de Inundações e Secas, que não especificou os números mensais de mortos, depois que as chuvas de verão (hemisfério norte) começaram no começo deste mês, com jeito de serem as piores em décadas. O Ministério de Assuntos Civis informou que desde que as chuvas começaram, 57 pessoas morreram e outras 52 continuam desaparecidas, segundo dados publicados nesta terça-feira pelo jornal China Daily. As piores tempestades em décadas afetaram 38,5 milhões de pessoas em 20 províncias chinesas, principalmente no sul, segundo esta mesma fonte, enquanto 2,2 milhões de hectares de cultivo ficaram destruídos. As perdas econômicas diretas já alcançam US$ 3,3 bilhões em todo o país.

Mais conteúdo sobre:
Chinachuvainundação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.