Invasão militar na Ucrânia afasta Rússia, diz Obama

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse que uma invasão militar na Ucrânia pode afastar a Rússia de outros países. Obama disse que há espaço para que a Ucrânia se relacione com o Ocidente e a Rússia.

Agência Estado

04 de março de 2014 | 15h02

O presidente russo Vladimir Putin enviou tropas para a Crimeia, alegando a necessidade de proteger os interesses russos na região. Obama declarou que existe uma crença global de que as ações da Rússia violam os direitos internacionais e que a força não deveria ser utilizada para exercer influência dentro da Ucrânia.

Barack Obama fez as declarações em Washington, após apresentar o Orçamento de US$ 3,9 trilhões para 2015. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
UcrâniacriseEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.