Irã aceita ajuda dos EUA a vítimas do terremoto

O presidente do Irã, Mohammad Khatami, disse hoje que seu país está pronto para receber ajuda dos Estados Unidos para amenizar as conseqüências do terremoto que matou 245 pessoas. Khatami visitou hoje familiares de algumas das vítimas do tremor que abalou a região nordeste do Irã, no sábado, atingindo 6,1 graus na escala Richter. "Nós não esperamos qualquer ajuda, mas aceitaremos qualquer oferta sem estipular condições", disse Khatami.Anteriormente, o Irã havia estipulado que apenas receberia ajuda americana proveniente de organizações não-governamentais. O Irã e os Estados Unidos não têm relações diplomáticas. No dia do tremor, o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, ofereceu condolências às vítimas da tragédia e disse que "a América está pronta para ajudar o povo do Irã".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.