Irã assina com a Boeing compra de 80 aeronaves

Irã assina com a Boeing compra de 80 aeronaves

O negócio de dez anos estimado em US$ 16,6 bilhões prevê a venda de 50 aviões 737 e 30 aeronaves 777

O Estado de S. Paulo

11 Dezembro 2016 | 20h35

DUBAI - A IranAir informou que assinou um acordo neste domingo, 11, para a compra de 80 aviões da fabricante americana Boeing, noticiou a agência estatal Irna, no maior negócio entre EUA e Irã desde a revolução islâmica de 1979. O negócio é estimado em US$ 16,6 bilhões. 

A agência citou Farhad Parvaresh, presidente do Conselho de Administração da companhia aérea nacional do Irã, afirmando que o negócio de 10 anos inclui 50 aviões 737 e 30 aeronaves 777 da Boeing.

A Boeing havia dito em junho que assinara um acordo provisório para vender 100 jatos para a IranAir após comentários do Irã sobre o acordo. Em setembro, o Departamento do Tesouro americano autorizou a negociação. 

A Irna afirmou que Fletcher Barkdull, diretor regional da Boeing, esteva em Teerã para a cerimônia de assinatura do acordo. 

A venda foi possível depois que um acordo para limitar o programa nuclear do Irã, e o subsequente levantamento das sanções comerciais, liberou a empresa para negociar  com o regime iraniano, após quase 40 anos.

A Airbus, grande concorrente europeu da Boeing, também recebeu  uma autorização de Washington para concluir a venda de 118 aeronaves para Teerã. / REUTERS e AFP 

Mais conteúdo sobre:
Irã Boeing

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.